Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marafações de uma Louletana

Um espaço dedicado a Loulé e às suas gentes!

Marafações de uma Louletana

Um espaço dedicado a Loulé e às suas gentes!

O nosso património - Ermida de Nossa Senhora da Conceição

04.12.23, Lígia Laginha
  Bom dia caros visitantes do "Marafações de uma Louletana". Hoje voltamos a falar de património e, como há poucos dias se assinalou o 383º aniversário da Restauração da Independência de Portugal, a escolha recaiu sobre a Ermida de Nossa Senhora da Conceição, pois na sequência do evento acima referido, nas Cortes de 1646, D. João IV emitiu um voto de acção de graças, consagrando Nossa Senhora da Conceição padroeira de Portugal. Ordenou, então, que se colocasse às (...)

As Comemorações da Restauração da Independência de Portugal em 1940

30.11.23, Lígia Laginha
Bom dia caros visitantes do "Marafações de uma Louletana".  Como amanhã é dia 1 de dezembro e prefazem 383 anos sobre a Restauração da Independêndia de Portugal, decidi escrever um pouco sobre um n.º comemorativo, publicado pelo jornal "O Século", em 1940, visando a celebração das datas de Fundação e Restauração de Portugal. Esta publicação, apesar de claramente propagandista do regime, é bastante e agradavelmente ilustrada, e versa sobre a obra executada pelo Estado (...)

Ilustres Louletanos - Joaquim Laginha Serafim

28.11.23, Lígia Laginha
  Bom dia caros visitantes do "Marafações de uma Louletana".  Passam-se hoje 29 anos sobre o desaparecimento de mais um ilustre louletano, Joaquim Laginha Serafim.  Recordemos então o percurso de vida deste conceituado engenheiro, professor e investigador: Joaquim Laginha Serafim nasceu em Loulé, a 12 de janeiro de 1921 e faleceu em Lisboa, a 28 de novembro de 1994. Estudante brilhante, distinguiu-se desde cedo na sua terra natal e no Liceu de Faro, onde foi quase sempre o melhor (...)

As nossas ruas - Rua de Vale Telheiro

24.11.23, Lígia Laginha
 Hoje o “Marafações de uma Louletana” escolheu como topónimo a apresentar a Rua de Vale Telheiro. E porquê? perguntam os meus caros visitantes. Porque Vale Telheiro é nem mais nem menos a santa terrinha onde nasceu, foi criada e vive aqui a marafada. Um sítio maravilhoso dentro do fantástico concelho que é Loulé e a apenas dois quilómetros da cidade louletana. Infortunadamente pouco de concreto há a dizer sobre Vale Telheiro. A documentação é escassa e muito do pouco (...)