O que os algarvios comem (III) - Caracóis

 

 

 

Bom dia caros visitantes do "Marafações de uma Louletana".

 

Hoje voltamos a falar de paparoca e como Maio é o mês do caracól aqui vos deixo uma receita de caracóis à algarvia retirada do site http://www.gastronomias.com. Para quem gosta de carocóis, caracolinhos e caracoletas é experimentar.

 

Ingredientes:
Para 6 pessoas

  • 2 kg de caracóis ;
  • sal ;
  • paus de oregãos

Confecção:

Oito dias antes de se cozinharem põem-se os caracóis dentro de um recipiente com furos e tapados com uma rede (ou com uma peneira) e dá-se-lhes farinha de trigo ou sêmeas. Durante este espaço de tempo, os caracóis eliminarão as toxinas que possam ter e a farinha ajudá-los-á a engordar.
Passado o referido tempo lavam-se os caracóis em várias águas com sal, esfregando-os. Os caracóis estão prontos quando na água não houver sinais de visco.
Introduzem-se os caracóis numa panela com água fria abundante e levam-se ao lume, inicialmente fraco e aumentando progressivamente o calor para que os caracóis deitem a cabeça de fora. À água junta-se sal grosso, e quando os caracóis estiverem praticamente cozidos adicionam-se os paus de oregãos. As folhas dos oregãos não devem fazer parte deste tempero porque transmitem aos caracóis um sabor amargo que não é apreciado no Algarve.
Os caracóis cozem durante meia hora ou, no máximo, 40 minutos.
Comem-se bem quentes, tirando-os das conchas com um alfinete.

Há quem junte um pouco de pimenta ou de malagueta.

São geralmente comidos nas noites quentes de Verão e ao ar livre.

 

Nota:

 

1. A estes ingredientes há quem junte também uma casca de limão, uma casca de laranja e 1 caldo Knorr. Este último embora não muito tradicional e pouco recomendado para a saúde dá um sabor excepcional aos caracóis. A Louletana garante.

 

2. Bom proveito.

A louletana está: com água na boca
Cantiga: "Caracóis" - Amália
Rabiscado por Lígia Laginha às 09:11 link do post | Comentar | Marafações predilectas